Quarta-feira, 20 de Abril de 2005

Liberdade Querida e Suspirada - (Bocage)

liberdade.jpg


*



Liberdade querida e suspirada,


Que o Despotismo acérrimo condena;


Liberdade, a meus olhos mais serena,


Que o sereno clarão da madrugada!


Atende à minha voz, que geme e brada


Por ver-te, por gozar-te a face amena;


Liberdade gentil, desterra a pena


Em que esta alma infeliz jaz sepultada;


Vem, oh deusa imortal, vem, maravilha,


Vem, oh consolação da humanidade,


Cujo semblante mais que os astros brilha;


Vem, solta-me o grilhão da adversidade;


Dos céus descende, pois dos Céus és filha,


Mãe dos prazeres, doce Liberdade!

publicado por Lumife às 01:11

link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Anónimo a 20 de Abril de 2005 às 13:32
Obrigada pelos posts... é que eu que não conheço quase nada de Bocage :)Betty
(http://desfolhada.blogspot.com)
(mailto:ferreiraelisabete@hotmail.com)

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. ...

. ...

. ...

. Das utopias

. ...

.

.

.

.

.

.arquivos

. Dezembro 2006

. Outubro 2006

. Março 2006

. Dezembro 2005

. Outubro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds